Centro Ignacio Rangel

O Centro Ignacio Rangel de Estudos do Desenvolvimento-CRangel foi criado pela Portaria Normativa Nº02/2017 (Baixe aqui):

  1. Apoiar e difundir a obra de Ignacio Rangel por intermédio de programas, projetos, eventos e ações institucionais e regulares;
  2. Estimular a realização de pesquisas que analisem e indiquem os principais desafios e estratégias de superação para o desenvolvimento do Maranhão e do Brasil;
  3. Promover o debate sobre o desenvolvimento maranhense e brasileiro;
  4. Constituir acervo de memória oral.

CRangel é constituído por um Comitê de Governança e um Conselho Consultivo para auxiliar no cumprimento dos seus objetivos e acompanhar o Projeto Ignacio Rangel.

Acompanhe as atividades do CRangel:

  • Seminário I – Pensamento desenvolvimentista do Brasil (Baixe aqui)

Luiz Fernando de Paula, Professor Titular da UERJ


 

O Projeto Ignacio Rangel – Desafios para o Desenvolvimento deverá produzir pesquisas que identifiquem e delineiem os principais desafios para que o Brasil e o Maranhão possam se desenvolver no século XXI.

As pesquisas serão produzidas por récem-doutores selecionados de todo o Brasil que irão atuar na Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL) por intermédio de edital da FAPEMA. Acesse em EDITAL FAPEMA Nº 001-2017 – IGNACIO RANGEL

O projeto terá a duração de 12 meses e a coordenação técnica será da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI) com apoio da FAPEMA.

Os temas serão fixados no edital a partir das oficinas regionais e estudos técnicos realizados para o anteprojeto do Plano Decenal de Ciência, Tecnologia e Inovação, bem como, as linhas estratégicas apontadas por Ignacio Rangel.

Os produtos esperados deste projeto são:

  • 3 Seminários parciais e 1 Seminário final
  • 30 Artigos científicos
  • 15 Relatórios de pesquisa
  • 2 Livros coletivos reunindo os resultados das pesquisas

Este link dá acesso a importante subsídio no Livro “Ignacio Rangel, Decifrador do Brasil” e ao Artigo Ignacio Rangel – 100 anos do governador Flávio Dino sobre o homenageado pelo Edital.

 

IgnacioRANGEL

Ignacio de Mourão Rangel (1914-1994). Nascido em 20 de fevereiro de 1914 na cidade de Mirador,  Maranhão. Graduou-se em Direito. Em 1954 vai para o Chile onde realiza um curso de Pós-Graduação na Cepal. Foi militante do Partido Comunista e fez parte da Aliança Nacional Libertadora (ALN). Já na sua militância intelectual integrou o Instituto Superior de Estudos Brasileiros (ISEB). Ocupou cargos públicos, como integrante da assessoria econômica de Getúlio Vargas, ajudando no projeto de criação da Petrobras e da Eletrobras.  Ingressou nos quadros do BNDE em 1955  chegando a chefe do Departamento Econômico, ainda participou do Conselho de Desenvolvimento da Presidência da República. Atuou no Plano de Metas do governo Juscelino Kubitschek. Em 1964 foi convidado para ocupar o Ministério da Fazenda pelo Presidente João Goulart, mas não aceitou. Manteve uma coluna no Jornal Última Hora no Rio de Janeiro entre 1969-1961 e em 1993, ainda nos anos 80 colaborou com o Jornal Folha de São Paulo. Faleceu em 1994.

Fonte: REGO, J. M. R. ; BRESSER PEREIRA, Luiz Carlos. Um Mestre da Economia Brasileira: Ignácio Rangel. Revista de Economia Política, São Paulo, 1993 e RANGEL, Ignacio. Obras Reunidas. V.2. Editora  Contraponto, Rio de Janeiro, 2005.

Contatos

contatos

Localização

localização

Click to open larger map

Av. dos Holandeses, 1803 - São Marcos
São Luís - MA